domingo, 21 de setembro de 2008

amargarida















criança, sonhei que tinha margaridas na barriga. brotavam de terra sobre estômago. eram muitas e brancas e ainda hoje me arrepiam os braços.

8 comentários:

menta disse...

margarida amarga-me a barriga
amarela feito cosquinha.
sinto seu riso na espinha:

mal-me-quer-bem-me-quer?

duvida.

Amendoa disse...

amar.ga
quando.mal.me.quer

ri.da
sempre.que.bem.me.quer

Petru P. disse...

irado claire !

fiquei com a imagem
de uma personagem
perdida de Macondo
tipo que nas noites
de lua cheia se trans
forma em um amalgama
flor - animal


sei lá .. tava aqui viajando.

Sabrina disse...

doce azia

claire disse...

amargava
pq sabia
que amar
era melhor
que rir
da azia
doce
de flor
que mal
me quer

mas num é que bem me quer?

menta disse...

que esso!

você tá demais hein, amiga!

adorei.

Amendoa disse...

macondo, concordo

senhorita feliciana disse...

amarga ri da... criança, doces e pobres otarias de nós todos... crianças perdidos no deslize da vida... amargarida amargavida amar garida...